Notícias : Rádio Nazareno


NOTÍCIAS/ARTIGOS

Acidente de avião em MT mata piloto, fazendeiro e dois servidores públicos

MATO GROSSO

Aeronave caiu em região montanhosa e de difícil acesso, disse delegado.
Destroços foram encontrados na manhã desta segunda-feira (7).

Os destroços de um avião monomotor que estava desaparecido desde este domingo (6) foram encontrados por policiais civis na manhã desta segunda-feira (7). De acordo com informações da Força Aérea Brasileira (FAB), os restos do avião e os corpos do piloto e de três passageiros estavam a aproximadamente 20 km de Aripuanã, onde a aeronave havia decolado. Entre os passageiros estavam dois servidores da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema). O outro passageiro era um fazendeiro da região.

O delegado da Polícia Civil, Albertino Félix de Brito Júnior, confirmuo ao G1 que o acidente deixou quatro pessoas mortas. Segundo ele, o corpo de uma das vítimas foi encontrado a vários metros da aeronave, em um abismo numa região de montanhas. Todo o trabalho está sendo feito pelos policiais civis, pois no município não existe Corpo de Bombeiros. Além disso, o único médico legista que atende a região está doente e não poderá auxiliar no trabalho.

Os corpos deverão ser levados para Juína, a 737 km de Cuiabá, para a coleta de amostras para exame de DNA. O material deve ser encaminhado para a capital. "Não temos necrotério, não temos câmara fria", disse o delegado.

Conforme Brito Júnior, o fazendeiro era muito conhecido na região e costumava viajar em voos fretados. A aeronave fazia voos diários de Aripuanã a Juína. "É um avião que sempre atendia a população da região", afirmou.

A assessoria da FAB informou que o avião faria uma parada na Fazenda Vespor, ainda em Aripuanã, para então seguir em direção a Colniza. Porém, caiu antes disso. Uma equipe da FAB de Campo Grande deslocou para a região neste domingo e iria começar as buscas pelo avião na manhã de hoje, mas, antes disso, um piloto entrou em contato com a Polícia Civil informando que havia encontrado os destroços do monomotor. Com isso, os policiais foram até o local.

 

A Sema havia confirmado por meio de assessoria que os servidores estavam desaparecidos, mas não deu detalhes, pois aguardava o desfecho do caso. Um amigo do piloto do avião disse que o voo demoraria cerca de 40 minutos. Thiago Paiva contou que o piloto tinha pelo menos 30 anos de experiência na profissão.

 

07/ABRIL/2014

Fonte: G1 MT



MATO GROSSO: Mais Notícias/Artigos

COMPARTILHE!



PUBLICIDADE

FACEBOOK



Rádio Nazareno 

- A Emissora do povo de Deus

Acessos: 5.851.822

Quarta, 18 de Outubro de 2017